jusbrasil.com.br
1 de Junho de 2020

Estratégia no mundo do Direito (artigo e vídeo)

Um pouco sobre planejamento estratégico para profissionais do Direito

Fabricio Almeida Carraro, Advogado
há 8 meses

Como em qualquer outra área profissional, ou talvez até mais, o Direito exige muita estratégia.

Seja para aprovação no Exame de Ordem ou em concursos públicos. Seja para bem julgar um processo, no caso dos juízes, ou vencer um processo, no caso das partes. Sob qualquer ótica, a nosso ver, para alcançar o sucesso na carreira jurídica, a estratégia é fundamental.

Para se aprofundar nesse assunto, veja o vídeo a seguir ou leia o artigo abaixo.

De acordo com Chiavenato, autor renomado em Administração:

“Em termos empresariais, pode-se definir a estratégia como a mobilização de todos os recursos da empresa no âmbito global visando atingir os objetivos a longo prazo”. (http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/a-importancia-da-estrategiaedo-planejamento-para-as-organizacoes-em-tempos-de-crise/37849/)

Na Wikipédia, apesar de aparecer uma ideia do que seja estratégia, conceito advindo do mundo militar e hoje querido do ambiente corporativo, conclui-se ser uma definição bastante variável:

“Atualmente, o conceito de estratégia é uma das palavras mais utilizadas na vida empresarial ou trata-se da forma de pensar no futuro, integrada no processo decisório, com base em um procedimento formalizado e articulador de resultados. À primeira vista parece tratar-se de um conceito estabilizado, de sentido consensual e único, de tal modo que, na maior parte das vezes, entende-se ser escusada a sua definição.

Contudo, um pouco de atenção ao sentido em que a palavra é usada permite, desde logo, perceber que não existe qualquer uniformidade, podendo o mesmo termo referir-se a situações muito diversas.” (https://pt.wikipedia.org/wiki/Estrat%C3%A9gia)

A estratégia pode ser definida ainda como algo que tem em comum os seguintes pontos:

“De acordo com Chaffee (1985, p. 89- 90) apud Mintzberg, Ahlstrand e Lampel (2000, p. 21), segue os temas em comum quanto à definição do termo:

– A estratégia diz respeito à organização e ao ambiente;

– A essência da estratégia é complexa;

– A estratégia afeta o funcionamento da organização;

– A estratégia envolve questões relativas ao caminho determinado, assim como o processo de se determinar este caminho;

– A estratégia realizada quase nunca é a mesma que foi planejada;

– As estratégias existem em níveis diferentes da organização, do chão-de- fábrica à alta cúpula;

– A estratégia envolve um exercício de definição de conceitos e análise da realidade.” (https://www.administracaoegestao.com.br/planejamento-estrategico/moduloiconceitos/conceito-de-estrategia/)

Já na PNL, chamamos estratégia todo o conjunto de processos cerebrais e comportamentos que nos informam como fazemos alguma coisa, através das representações de imagens, sons e sensações advindas dos sentidos.

“Uma estratégia é um padrão de comportamento que pode ser copiado ou reproduzido. As estratégias por si mesmas não são nem boas nem ruins, mas podem ser consideradas como eficazes ou ineficazes quando se verificam seus resultados.” (https://golfinho.com.br/termo-do-mes/estrategia.htm)

Uma ideia de planejamento estratégico bem simples e eficaz é pensar longo prazo, entendidas como fases necessárias aquelas do curto e médio prazos.

Aqui deixamos uma técnica bastante conhecida de planejamento estratégico, bastante utilizada nos processos de Coaching, a análise SWOT. A técnica consiste em mapear, por escrito, nos quatro quadrantes próprios, nossas forças e fraquezas, bem como as ameaças ou dificuldades tendo em vista nossas metas e nossos objetivos.

A PNL se utiliza, dentre muitos outros métodos, da metáfora. O poder das histórias é fantástico, porque comunica tanto no nível consciente da mente, quanto no nível inconsciente.

Assim, nos valendo de uma metáfora, deixamos uma dica de filme que é uma verdadeira aula de planejamento estratégico: “Um sonho de liberdade” (Shawshank Redemption, no título original). Melhor do que escrever páginas e páginas sobre o assunto, é recomendar este filme.

Quem já viu, sabe por que. Quem ainda não viu, vale a pena assistir e perguntar a si mesmo: como posso usar estas habilidades de planejamento estratégico naquele processo difícil, para passar em uma prova ou para turbinar minha carreira jurídica?

E lembre-se, ao elaborar suas estratégias, de uma frase atribuída a um dos maiores nomes da Administração moderna: “Você não pode prever o futuro, mas pode criá-lo”.

Fabricio Almeida Carraro - Advogado, mentor e coach de carreira jurídica

Baixe nosso e-book gratuito "Heróis do Direito - Autocoaching jurídico" https://heroisdodireito.com.br/ebook/

1 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Muito bom, Fabricio, tópico importantíssimo para a área. Fiz um SWOT recentemente no trabalho e confesso que achei bem interessante. continuar lendo